09 dezembro 2009

traço 098

A cada dia que vivo, mais me convenço de que o desperdício da vida está no amor que não damos, nas forças que não usamos, na prudência egoísta que nada arrisca, e que, esquivando-se do sofrimento, perdemos também a felicidade.


• Carlos Drummond de Andrade.


4 comentários:

  1. Nossa e isos é a mais pura verdade...
    hj vivemos em um mundo sem o amor pleno...
    beijos

    ResponderExcluir
  2. Lindo Fê, completamente lindo e conveniente para hoje.
    Viver exige muita coragem!

    ResponderExcluir
  3. Isso é tão verdade, Fê. E você sabe bem do que estou falando.

    ResponderExcluir

rabisque!