15 abril 2010

traço 192

A casa estava vazia, e as luzes todas apagadas. Ela sentada no sofá da sala. Era noite, noite de chuva forte e vento furioso. Saudade daquelas mãos , dos olhos que por alguns intantes foram tão dela. Decepção ao lembrar de como tudo acabou. De como ele acabou com tudo. Vontade.. buraco no peito.. sozinha.. Burra!


3 comentários:

rabisque!