30 outubro 2010

traço 242

A gente se arrisca porque gosta de chorar de vez em quando. E se arrisca mais forte ainda porque gosta de sorrir também, digo eu, que não gosto (nem um pouco) do verbo prender. Prender o riso. Prender o choro. Prender o grito. Prender o verbo. Faz a gente deixar de ser, a gente.

Vanessa Leonardi

4 comentários:

  1. Gostei muito, porque considero prender o antônimo de libertar, e gosto de liberdade.

    Beijos ;*

    ResponderExcluir
  2. Concordo! Adorei seu blog, estou te seguindo! Aparece no meu http://mairacintra.blogspot.com/ e espero que goste.
    Bjos

    ResponderExcluir
  3. Um traço tão delicado, mas ao mesmo tempo profundo. Se arriscar é a melhor experiência de todas..
    beijos!

    ResponderExcluir

rabisque!